A Filosofia é uma concepção do mundo e da vida, é amor pela sabedoria, é reflexão crítica e investigativa do conhecimento e do ser. António A. B. Pinela

Edição online

Página inicial  |  Filosofia  |  Filósofos  |  Glossário  |  Perfil do autor    

 

A situação das mulheres no Afeganistão: uma imagem perturbadora

 

Esta fotografia da capa da revista Time, de Agosto passado, é simplesmente chocante e perturbadora, pertence a Aisha, uma jovem afegã, de 18 anos, a quem foram cortadas as orelhas e o nariz, por não respeitar as regras talibãs e por ter fugido de casa da família do marido. Esta imagem está a revoltar todos aqueles para quem os direitos humanos são bens inalienáveis.

Quando tinha 16 anos, seu pai oferecera-a em casamento a um guerrilheiro talibã para pagamento de uma dívida. E aqui começa o seu calvário. A jovem foi prisioneira durante dois anos, sofrendo todo o tipo de enxovalhos: além das agressões de que era vítima, ainda a obrigavam a dormir com os animais no estábulo. Aisha decidiu fugir aos 18 anos, mas foi capturada pela família do marido, em Kandahar. Foi julgada pela justiça talibã. Qual o castigo? A mutilação descrita acima. Pagou bem caro a sua ousadia. Pois, havia desonrado o marido.

Obviamente que o talibã nega que tal tenha ocorrido. Tudo isto não passa, dizem os talibãs, de uma provocação inventada pelos americanos. Ainda que desmintam os maus tratos infligidos às mulheres, a ONU apresenta uma realidade diferente, onde 90% das mulheres afegãs sofrem algum tipo de abuso doméstico.

Aisha conta que era constantemente espancada e tratada como uma escrava. Mesmo assim, a história não foi suficiente para convencer um comandante talibã, e enquanto um cunhado de Aisha a segurava, o marido barbaramente a mutilava.

Conta ela, à Revista Time, que quando lhe cortaram o nariz e as orelhas desmaiara. Quando acordou estava sozinha no deserto. Ficara ali para morrer. Relata que quando acordou mal podia vislumbrar algo por causa do sangue que lhe cobria o rosto, sentindo apenas uma terrível sensação fria no nariz decepado. Em tais condições, Aisha consegue arrastar-se até a casa de seu avô, que a levou a um posto médico americano, ficando ao cuidado deste cerca de 10 semanas. Tendo, depois, sido transportada para um refúgio em Cabul, e dali seguira para os Estados Unidos da América, por intermédio da Grossman Burn Foundation, onde vive com uma família que a alojou.

A Fundação conseguiu colocar uma prótese no seu nariz, que já dá bem a ideia de como a jovem ficará, mas pretende fazer uma cirurgia reconstrutiva permanente, usando ossos, cartilagem e pele de outras partes do seu próprio corpo para recriar o nariz. A fotógrafa da Time, Jodie Bieber, quis fotografá-la e mostrar-lhe a beleza da mulher que ela é. “És mesmo uma mulher bonita. Não compreendo, nem imagino o que possas sentir quando tens o nariz e as orelhas cortadas, mas o que posso fazer, e mostrar-te, é a tua beleza nestas fotografias”, disse a fotógrafa a Aisha.

Enfim, com aquela fotografia da Time, Bibi Aisha diz que quer que o mundo veja o efeito do ressurgimento dos talibãs sobre as mulheres do Afeganistão. Segundo a Time, a jovem entendeu o que significaria para ela estar na capa desta prestigiada revista. Ela sabe que se vai tornar num símbolo para as mulheres afegãs, que tiveram de pagar, bem caro, com o seu corpo e espírito, a aplicação da ideologia repressiva e totalitária do regime talibã.

Para mais informações sobre Aisha, a sua cirurgia reconstrutiva, e muitos outros casos, cf.

www.time.com/time/world/,

www.grossmanburnfoundation.org/aisha.htm ou

www.womenforafghanwomen.org/front_lines.php.

António Pinela, Reflexões, Dezembro de 2010

 

 

LIVROS/EBOOKS

 

De

 

António A. B. Pinela

 

 

Horizontes da Filosofia

Ver informação

 

 

 

Para que serve a filosofia

Ver informação

 

 

 

Fundamentação Metafísica da Esperança em Gabriel Marcel

Ver informação

 

 

 

Vergílio Ferreira e o Existencialismo

Ver informação

 

 

 

A Razão universal em Álvaro Ribeiro

Ver informação

 

 

 

A felicidade segundo santo Agostinho

Mais informação

 

 

 

A desigualdade entre os homens segundo Rousseau

Ver informação

 

 

 

Felicidade e Natureza Humana Segundo David Hume

Ver informação

 

 

 

Organização e Desenvolvimento Curricular

Ver informação

 

 

 

Como organizar um trabalho escolar

Ver informação

 

 

 

Ciências da Educação - Glossário

Ver informação

 

 

 

ARQUIVO

 

Pensamentos

 

Programas de Filosofia

(Ens. Secundário)

 

Filosofia (Discip. ens. superior)

 

Provérbios

 

Sabia que...

 

Sete Sábios da Grécia

 

 

 

ORGANIZAÇÕES

 

Amnistia Internacional

 

Declaração Universal dos Direitos Humanos

 

Diário da República Electrónico

 

Disputatio International Journal of Philosophy

 

Encyclopédie de la philosophie

 

Eurydice

 

European Schoolnet

 

European Universities Association

 

Lusofonia (CPLP)

 

Philosophie & religion

 

Portal europeu sobre oportunidades de educação e formação

 

Stanford Encyclopedia of Philosophy

 

The Paideia Archive

 

ONU

 

UNESCO

 

União Europeia

 

 

Sobre EuroSophia  | Condições de utilização de textos e imagens | |   Contactos

 

© 2003-2021 www.eurosophia.com  Todos os direitos reservados