EuroSofia é um espaço de reflexão e de edição de textos

A Filosofia é uma concepção do mundo e da vida, é amor pela sabedoria, é reflexão crítica e investigativa do conhecimento e do ser. António A. B. Pinela

Início EuroSophia Filosofia Filósofos Glossário Os meus livros/eBooks

Contactos

 

Para que serve a Filosofia

 

© António A. B. Pinela

Capa: António R. B. Pinela

Revisão: Madalena Pinela

Edição: do autor

1.ª Edição (eBook): Outubro de 2010

ISBN: 978-989-97030-0-1

Páginas: 224

Dimensões: 15x21 cm

Publicação online: www.eurosophia.com

PVP: 8,00 €    
 

 

Comprar

Sobre o autor

 

«Num texto de iniciação, como este, procurarei, no decurso da reflexão, esclarecer a principal interrogação do mesmo: “Para que serve a Filosofia?”; enquanto o leitor ir-se-á apercebendo, naturalmente, que outras questões (menores e/ou mais elaboradas) brotarão no seu espírito; verificando que é da vivência da Filosofia que brotarão muitas perguntas que, por certo, quererá ver esclarecidas.

Com efeito, é do esclarecimento das nossas dúvidas que vamos construindo o saber. Reflectindo sobre Filosofia, verificará que as suas certezas, até então inabaláveis, começarão a enfraquecer no seu espírito, e instalar-se-á o mundo da dúvida que, embora lhe possa trazer algum desassossego espiritual, lhe trará também o alimento que o poderá esclarecer e tranquilizar.

Saberá que as questões filosóficas trazidas pela dúvida ou pela curiosidade (que é fonte de saber) são algo que é comum a todos mortais, emergindo na interioridade humana, dos desejos, das vontades e das frustrações; dos interesses e da incerteza; da capacidade de agir e das situações-limite; das provações e da esperança. Entretanto, e mais concretamente, poderá o leitor questionar-se, já, qual é a utilidade da filosofia, qual o seu valor, para que serve? Por certo que ela não contribuirá, directamente, para a produção de riqueza de bens materiais. Se é daquelas pessoas para quem apenas estes bens contam, e que um pouco de sabedoria não interessa, a reflexão filosófica também é para si. Porquê? Porque, não sendo a Filosofia capaz de produzir directamente aquele tipo de riqueza, não quer dizer que ela seja desprovida de sentido prático para a vida.

É verdade que o dinheiro, “primeiro bem material”, dizem muitos, contribui para a nossa felicidade e é essencial para suprir as necessidades básicas e culturais; mas será que este bem é suficiente para preencher todas as nossas necessidades? Suponha que ao ler estas linhas, por algum motivo, se instala a dúvida no seu espírito. Uma dúvida daquelas que deixa a cabeça às voltas a qualquer um, como por exemplo, uma dúvida existencial, ou uma dúvida de amor, que o dinheiro é incapaz de esclarecer. Que mais desejaria, então, o esclarecimento da dúvida, de que já nos falara Descartes[1], ou uma bolsa cheia de moedas?

Esclarecer a dúvida é procurar a verdade. É por isso que os filósofos dizem que uma das mais importantes fontes de felicidade funda-se na busca da verdade e no prazer e alívio de a ter descoberto. Eis a razão por que os filósofos buscam constantemente a verdade» (Para que serve a Filosofia, pp. 15-17).


[1] Filósofo francês (1596 -1650).

 
 
 

TEXTOS

Agostinho e o retiro de Cassicíaco

 

Felicidade e conduta humana

 

A exigência do rigor reflexivo

 

A natureza humana

 

EDUCAÇÃO/ENSINO

Disputatio International Journal of Philosophy

Encyclopédie de la philosophie

Educação

Ensino da filosofia

Erasmus

Estudo da filosofia

Filosofia (Prog. ens. secundário)

Filosofia (Discip. ens. superior)

Filosofia (textos)

Filósofos (biografias breves)

Glossário

Philosophie & religion

Stanford Encyclopedia of Philosophy

 

CONSULTA ÚTIL

Ciberdúvidas

Amnistia Internacional

Declaração Universal dos Direitos Humanos

Lusofonia (CPLP)

ONU

UNESCO

União Europeia

 

ARQUIVO

Pensamentos

Provérbios

Sabia que...

Sete sábios da Grécia, Os

 

 
© 2003-2019 www.eurosophia.com - Todos os direitos reservados Webmaster: arb.pinela@sapo.pt
Sobre o autor dos textos Última actualização: 23/04/19
Utilização de texto

Contacto