A Filosofia é uma concepção do mundo e da vida, é amor pela sabedoria, é reflexão crítica e investigativa do conhecimento e do ser. António A. B. Pinela

Edição online

Página inicial  |  Filosofia  |  Filósofos  |  Glossário  |  Perfil do autor    

 

UNIÃO EUROPEIA

 

Acto Único Europeu

Calendário 1998 - 2002 (relativamente ao Euro)

Euro

Línguas da União Europeia (11)

Moedas e Notas

Taxas de conversão

 

Acto Único Europeu

 

Assinado pelos 12 Estados membros da CE [Comunidade Europeia], entrou em vigor a 1.7.1987. Actualizou tratados anteriores em ordem a fortalecer a integração europeia nos sectores económico, social e político.

 

Calendário 1998 - 2002 (relativamente ao Euro)

 

Fase A

1998

• Designação dos países que vão adoptar o euro;

• Definição das taxas de câmbio bilaterais entre as moedas dos países participantes na UEM;

• Criação do Banco Central Europeu (BCE);

• Início do fabrico de notas e moedas em euros;

• Preparação dos bancos e empresas que vão adoptar o euro em 1999.

Fase B

1 de Janeiro de 1999

• Fixação irrevogável das taxas de conversão;

• Equivalência ECU = Euro

 

A partir de 1 de Janeiro de 1999

• O BCE entra em funcionamento;

• Nova dívida pública é emitida em euros;

• Euro usado nas operações entre bancos e pelas grandes empresas interessadas;

• Euro pode ser utilizado nos pagamentos com cartão ou através do banco.

Fase C

1 de Setembro de 2001

• O uso de cheques em euros deve ser generalizado a partir desta data, de acordo com a recomendação do Banco de Portugal.

 

1 de Dezembro de 2001

• Os retalhistas podem começar a pré-abastecer-se de notas e moedas de euros

 

31 de Dezembro de 2001

• Os cheques em escudos não devem conter data de emissão posterior a 31.12.2001.

 

1de Janeiro de 2002

• Início da circulação das moedas e notas em euros;•

• As contas bancárias estarão convertidas para euros

 

28 de Fevereiro de 2002

• Fim da circulação das notas e moedas de escudos.

 

31 de Março de 2002

• Fim da troca de notas estrangeiras da Área do Euro no Banco de Portugal.

 

30 de Junho de 2002

• Fim da troca de notas e moedas de escudos nos bancos comerciais e nas tesourarias das finanças.

 

31 de Dezembro de 2002

• Fim da troca de moedas de escudos no Banco de Portugal (as notas poderão ainda ser trocadas num prazo de 20 anos).

 

Euro
O Euro - a nova moeda portuguesa e da União Europeia - em forma de notas e moedas só começaram a chegar às mãos dos cidadãos a partir de 1 de Janeiro de 2002. 

As novas moedas do Euro - ao contrário das notas que são bifacialmente e em absoluto iguais pata todos os Estados Membros - apresentam uma face comum, também igual para todos, e uma face nacional, que se caracteriza por possuir elementos indentificáveis correspondentes a cada um dos países que entram na UEM.

 

Línguas da União Europeia (21)

 

Alemão, Dinamarquês, Espanhol, Finlandês, Francês, Grego, Inglês, Italiano,  Neerlandês,  Português, e Sueco (11) [línguas oficiais da União Europeia antes de 1 de Maio de 2004].

Checo, Eslovaco, Esloveno, Estónio, Húngaro, Letão, Lituano, Maltês e Polaco (9) [As informações de carácter geral irão sendo disponibilizadas nas nove novas línguas oficiais da União Europeia dos 25].

O Irlandês passará a ser a vigésima primeira língua oficial da União Europeia a partir de 1 de Janeiro de 2007,

 

Moedas e Notas

 

Moedas


Há 8 moedas

A face comum (anverso) das moedas foi desenhada por Luc Luyex, um quadro informático da Casa da Moeda belga. As faces comuns representam o mapa da União Europeia sobre um fundo de linhas transversais com as estrelas da bandeira comunitária nas extremidades.

A outra face (reverso) das das moedas tem os símbolos nacionais que cada país participante decidiu incluir, sendo desenhados por artistas dos respectivos países.

Todas as moedas podem ser utilizadas no conjunto da área do euro.

Anverso

Reverso

Valor em Euros

Valor em Escudos

1 cêntimo

2$00

2 cêntimo

4$00

5 cêntimo

10$00

       

10 cêntimo

20$00

20 cêntimo

40$00

50 cêntimo

100$00

1 euro

200$00

2 euros

401$00

       

       

Notas

       

Há 7 notas, de diferentes cores e dimensões

 

Os desenhos simbolizam o património arquitectónico europeu; incluem marcas de segurança como fibras fluorescentes, um fio de segurança e elementos de leitura óptica para certificar a autenticidade.

 

Valores - Notas em Euros

 

Frente

Verso

Valor em Euros

Valor
em Escudos

       

1.002 Escudos

1.002 Escudos

5 euros

1.002$00

       

2.005 Escudos

2.005 Escudos

10 euros

2.005$00

       

4.010 Escudos

4.010 Escudos


20 euros


4.010$00

       

10.024 Escudos

10.024 Escudos

50 euros

10.024$00

       

20.048 Escudos

20.048 Escudos

100 euros

 

20.048$00

 

       

40.096 Escudos

40.096 Escudos

200 euros

 

40.096$00

 

       

100.241 Escudos

100.241 Escudos

500 euros

 

100.241$00

 

 

Nota:  1 Euro = 200,482  (1 Euro = 100 Cêntimos)

 

Taxas de conversão

 

Conversão bilateral

Escudos → Euro
Dividir o montante em causa pela taxa de conversão euro/escudo, arredondando o resultado obtido a 2 casas decimais:

 

Exemplo:

PTE 1000  →  EURO ?

Se EURO 1 = PTE 200,482

PTE 1000: PTE 200,482 = PTE 4,98798

A PTE 1000 = EURO 4,99

 

Euro → Escudos
Multiplicar o montante em causa pela taxa de conversão euro/escudo, arredondar o resultado obtido para a unidade mais próxima

 

Exemplo:

EURO 5  →  PTE ?

Se EURO 1 = PTE 200,482

EURO 5 x PTE 200,482 = PTE 1002,41

A EURO 5 = PTE 1002

 

Saiba mais sobe a União Europeia

 

LIVROS/EBOOKS

 

De

 

António A. B. Pinela

 

 

Horizontes da Filosofia

Ver informação

 

 

 

Para que serve a filosofia

Ver informação

 

 

 

Fundamentação Metafísica da Esperança em Gabriel Marcel

Ver informação

 

 

 

Vergílio Ferreira e o Existencialismo

Ver informação

 

 

 

A Razão universal em Álvaro Ribeiro

Ver informação

 

 

 

A felicidade segundo santo Agostinho

Mais informação

 

 

 

A desigualdade entre os homens segundo Rousseau

Ver informação

 

 

 

Felicidade e Natureza Humana Segundo David Hume

Ver informação

 

 

 

Organização e Desenvolvimento Curricular

Ver informação

 

 

 

Como organizar um trabalho escolar

Ver informação

 

 

 

Ciências da Educação - Glossário

Ver informação

 

 

 

ARQUIVO

 

Pensamentos

 

Programas de Filosofia

(Ens. Secundário)

 

Filosofia (Discip. ens. superior)

 

Provérbios

 

Sabia que...

 

Sete Sábios da Grécia

 

 

 

ORGANIZAÇÕES

 

Amnistia Internacional

 

Declaração Universal dos Direitos Humanos

 

Diário da República Electrónico

 

Disputatio International Journal of Philosophy

 

Encyclopédie de la philosophie

 

Eurydice

 

European Schoolnet

 

European Universities Association

 

Lusofonia (CPLP)

 

Philosophie & religion

 

Portal europeu sobre oportunidades de educação e formação

 

Stanford Encyclopedia of Philosophy

 

The Paideia Archive

 

ONU

 

UNESCO

 

União Europeia

 

 

Sobre EuroSophia  | Condições de utilização de textos e imagens | |   Contactos

 

© 2003-2020 www.eurosophia.com, Todos os direitos reservados